VOCÊ VAI VIAJAR ?

 

NÃO PERCA TEMPO FAZENDO PESQUISAS. 

 

NÓS FAREMOS TODO O ROTEIRO (DIA A DIA) PARA VOCÊ.

 

CONSULTE-NOS: 

 

E-MAIL: contato@consultordeviagens.com

FONE:  (41) 9943-5960.

 



 

 

 

01

 

Declaração de Bagagem Acompanhada:

 

De acordo com a Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (Abremar), em cruzeiros internacionais, todos os hóspedes precisarão preencher uma Declaração de Bagagem Acompanhada (DBA). Se houver na bagagem algo a declarar, o passageiro deverá se apresentar à Receita Federal. Se não, o formulário deverá permanecer em posse do hóspede para o caso de ser solicitado pela fiscalização aduaneira.

Para mais informações visite o site: http://www.receita.fazenda.gov.br/Aduana/

Viajantes/PerguntasRespostas/Default.htm

 

 

02

 

Check-in online:

 

Se o sistema da sua empresa de cruzeiros permitir, faça seu check-in online. Isso o ajudará a economizar tempo na hora de embarcar no navio.

 

 

03

 

Precauções:

 

Há navios que chegam a carregar mais de três mil malas. Portanto, antes de despachar sua bagagem, no momento do embarque, não deixe de etiquetar e lacrar com cadeado todas as suas malas. Na etiqueta, coloque dados como nome, endereço e telefone para contato. Objetos de valor devem ser levados na bagagem de mão.

 

 

4

 

Saúde:

 

Caso esteja tomando remédios, não esqueça de trazê-los de casa. Todos os navios contam com centro médico e equipe a bordo para atender passageiros com problemas de saúde. Porém, os serviços e consultas médicas dentro do navio são cobrados à parte. Por isso, é importante que o hóspede adquira com seu agente um seguro médico ou de viagem no ato da compra do cruzeiro marítimo (tais seguros oferecem pagamento de reembolso dos serviços utilizados pelo hóspede). Em casos excepcionais, como surtos viróticos ou epidemias no navio, estes serviços não são cobrados.

 

 

5

 

Documentação para cruzeiros nacionais:

 

Para embarcar em um cruzeiro nacional, os viajantes brasileiros devem apresentar um documento de identidade válido dentro do Brasil, como passaporte, RG ou carteira de motorista.

 

 

6

 

Documentação para cruzeiros no Mercosul:

 

Para embarcar em um cruzeiro que irá visitar países do Mercosul, como Argentina e Uruguai, os viajantes brasileiros devem apresentar seu passaporte (com validade mínima de seis meses) ou seu RG (com, no máximo, dez anos de emissão). Não será permitido o uso de documentos como certidão de nascimento, CNH, CREA, CRM, OAB e Carteira de Identidade Militar. Hóspedes brasileiros que embarcarem com a Carteira de Identidade deverão apresentar a Tarjeta de Imigração Argentina devidamente preenchida, em duas vias. É possível encontrar a Tarjeta para preenchimento no site: http://www.migraciones.gov.ar/accesos/tarjeta.php?i=PORT.

 

 

7

 

Documentação para cruzeiros de travessia:

 

Para embarcar em um cruzeiro que se dirige à Europa, o passageiro deve apresentar um passaporte com validade mínima de seis meses. Quanto à necessidade de vistos, os hóspedes deverão entrar em contato diretamente com o consulado dos países a serem visitados.

 

 

8

 

Menores desacompanhados:

 

Se estiver viajando para o exterior com menores desacompanhados do pai e/ou da mãe, certifique-se de levar uma autorização de viagem com firma reconhecida por autenticidade, emitida conforme a Resolução nº131/2011 do Conselho Nacional de Justiça, disponível no site: http://www.dpf.gov.br/servicos/viagens-ao-exterior/.

 

 

9

 

No terminal:

 

Segundo a Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (Abremar), o check-in das companhias de cruzeiros dificilmente se inicia antes das 11h da manhã. Como há um tráfego intenso de hóspedes desembarcando dos navios até este horário, é recomendado que os viajantes cheguem ao terminal após as 11h da manhã. Ao chegar ao terminal, dirija-se ao setor de bagagem para deixar as suas malas.

 

 

10

 

Check-in:

 

Depois de deixar as malas, procure o balcão de atendimento da sua companhia de cruzeiro e se informe sobre os procedimentos e horários de embarque. Lembre-se de ter em mãos todos os dados da sua reserva e documentos de identidade da família.

 

 

imagem bagagem navio

 

Bagagem:

 

Não custa repetir – todas as suas malas devem estar identificadas antes de serem deixadas no terminal. Além disso, as companhias sugerem que o hóspede limite a sua quantidade de malas a duas unidades por pessoa, com cada uma com, em média, vinte quilos de peso. A ideia é que nenhuma das bolsas exceda os 40cm de altura, 60cm de largura e 30cm de profundidade.

 

 

11

 

Bens de valor:

 

Ao embarcar em um cruzeiro internacional, leve consigo a nota fiscal ou o comprovante de importação de bens de elevado valor de origem estrangeira que serão levados viagem, como computadores e câmeras fotográficas. Desta forma evita-se a posterior tributação dos objetos. Para mais informações visite o site: http://ftp.receita.fazenda.gov.br/Publico/Aduana/

bagagem/Viajantes/GuiaRapidoparaViajantes.pdf

 

 

gravida navio

 

Documentação:

 

Apesar de cada companhia ter suas próprias restrições a esse respeito, no geral, gestantes precisam apresentar atestado médico confirmando o estágio de sua gravidez e não poderão embarcar com 23 semanas ou mais de gestação. Crianças devem ter no mínimo seis meses completos no dia de embarque para cruzeiros de até nove noites, ou doze meses completos para cruzeiros com maior duração.

 

ferro eletrico navio

 

Bagagem:

 

Itens que possam produzir chamas não são permitidos nas malas dos cruzeiristas. Isso inclui ferros de passar, fogões elétricos, velas, incensos e qualquer outro item que possa gerar incêndios. Alimentos e bebidas (sejam elas alcoólicas ou não), drogas ou substâncias ilegais, assim como armas, também não são permitidos. Todas as bagagens estão sujeitas à inspeção por cães farejadores.

 

 

relogio navio

 

Horários:

 

O check-in termina duas horas antes da partida do navio, por isso, fique extremamente atento aos horários de chegada e saída da embarcação em que você está.

 

 

13

 

Declaração de Bagagem Acompanhada:

 

De acordo com a Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (Abremar), em cruzeiros internacionais, todos os hóspedes precisarão preencher uma Declaração de Bagagem Acompanhada (DBA). Se houver na bagagem algo a declarar, o passageiro deverá se apresentar à Receita Federal. Se não, o formulário deverá permanecer em posse do hóspede para o caso de ser solicitado pela fiscalização aduaneira. Para mais informações visite o site: http://www.receita.fazenda.gov.br/Aduana/

Viajantes/PerguntasRespostas/Default.htm

 

12

 

Desembarque:

 

Ao final da viagem, antes de desembarcar, confira com cuidado todas as suas despesas de bordo, pois todas as divergências de valores deverão ser resolvidas dentro do navio. O passageiro não conseguirá nenhum reembolso após deixar o cruzeiro.

 

Fonte: uol

 

E ENTÃO. GOSTOU DAS ORIENTAÇÕES ?

 

TEMOS INÚMERAS SUGESTÕES PARA A SUA PRÓXIMA VIAGEM.

 

SOLICITE INFORMAÇÕES 

www.consultordeviagens.com / Fale Conosco

 

 

TEREMOS O MAIOR PRAZER EM ATENDÊ-LO.