Vai para o exterior?

 

 



 

VOCÊ VAI VIAJAR ?

 

NÃO PERCA TEMPO FAZENDO PESQUISAS. 

 

NÓS FAREMOS TODO O ROTEIRO (DIA A DIA) PARA VOCÊ.

 

CONSULTE-NOS: 

 

E-MAIL: contato@consultordeviagens.com

FONE:  (41) 9943-5960.

 



 

 

Saiba usar o celular sem ficar no vermelho na volta.

 

 

turista-procura-sinal-de-wi-fi-celular-viagem-turismo-1398726113206_300x420[1]

 

Quem está acostumado a usar o telefone para falar, mandar SMS, enviar e-mails e acessar a internet do smartphone não quer ficar sem essas facilidades só porque está fora do país. E nem precisa. Há muitas maneiras de manter ativos os seus contatos durante as viagens internacionais, sem que, para isso, seja necessário gastar muito dinheiro.

 

Para quem viaja com smartphone, tablet ou notebook, a melhor opção é fazer ligações por meio de aplicativos que funcionam com o sistema VoIP (Voice over Internet Protocol) e que permitem contatar outros usuários por meio da internet.

 

O Skype (http://www.skype.com/pt-br/rates/), por exemplo, tem versões para todos os gadgets mencionados e permite falar de graça com todo mundo que tem o programa. Também é possível ligar para telefones fixos e celulares a partir de qualquer destino, pagando uma tarifa bastante competitiva. Para se ter uma ideia, quem compra os créditos previamente vai pagar R$ 0,05 por minuto e R$ 0,30 por minuto para ligar para fixos e celulares, respectivamente. “A ligação VoIP é muito mais barata do que a de um telefone fixo. Já a qualidade da chamada vai depender da conexão”, diz Bárbara Gurjão, vice-presidente de negócios para América Latina da empresa de soluções de Telecom WeDo Technologies.

 

O aplicativo Viber é outra boa pedida, de acordo com a especialista. O serviço funciona em quase todos os sistemas operacionais de smartphones, tablets e computadores e também é gratuito quando a outra pessoa é usuária da mesma tecnologia. Para quem possui iPhone e iPad há, ainda, o Facetime. Para tirar proveito dele, tanto quem liga quanto quem recebe precisa ter um aparelho da Apple, além de conexão Wi-Fi.

 

Outra opção são os cartões pré-pagos, que são uma alternativa interessante para fazer chamadas de longa distância, do ponto de vista dos custos, de acordo com o educador financeiro Mauro Calil. À venda em diversos estabelecimentos comerciais no exterior, esse tipo de cartão permite que se realize ligações de qualquer telefone público ou até mesmo do quarto de hotel.

 

Para ligar a partir de um número fixo ou do celular, a Embratel também disponibiliza o

Brasil Direto (http://portal.embratel.com.br/fazum21/brasil-direto/numeros-de-acesso), que pode ser utilizado em mais de 50 países. Com ele, você pode fazer a ligação a cobrar e paga a fatura só quando retornar ao Brasil, em reais. Só é preciso ter em mente que, ao usar o serviço pelo celular, você também estará sujeito ao pagamento de roaming.

 

Conectado pelo mundo afora

 

O preço para usar internet no celular é bem mais alto no exterior. Por isso, vale encontrar outras formas de acessar a rede mundial de computadores durante a sua viagem. A opção mais econômica, sem dúvida, é aproveitar os pontos de Wi-Fi gratuitos disponíveis em vários estabelecimentos fora do país, inclusive nos saguões de alguns hotéis. Mas vale a dica: alguns aplicativos de smartphones fazem atualizações constantes. Então, se a ideia é usar a internet só nesses locais, é importante, antes mesmo de embarcar, desabilitar o uso de dados no aparelho.

 

Para quem precisa de mobilidade, as operadoras de celular oferecem planos especiais de roaming internacional que saem mais em conta do que se você utilizar MB avulso. É possível, inclusive, fechar um valor fixo que você vai pagar por dia, para ter internet ilimitada fora de casa, evitando surpresas na conta quando voltar.

 

No entanto, mais vantajosa do que essa opção é adquirir um chip internacional de uma operadora local. “Esses chips possibilitam usar internet móvel e fazer ligações dentro do destino”, diz Calil. “Para usar, basta que o celular esteja desbloqueado e aceite 3G”, completa Bárbara. O pagamento do chip será feito de acordo com o plano escolhido. Ele pode, inclusive, ser comprado aqui no Brasil, antes da viagem. No site da Maxroam (http://www.maxroam.com/), por exemplo, você compra um chip válido para o mundo todo, sem roaming e com tarifas do país de destino. Entre as opções de pacotes e serviços, há alguns específicos para internet e tablets.

 

 

Fonte = UOL, em São Paulo

Postado em 30/04/2014   08h00

 

 

Solicite mais informações:

 

http://www.consultordeviagens.com